domingo, 3 de março de 2013

ENQUANTO ISSO NA SALA DA JUSTIÇA...



Quando o meu médico disse que eu teria que fazer um transplante de medula óssea para paralisar a Doença de Krabbe, eu vasculhei a internet e descobri que a chance de encontrar um doador compatível é de 1 em 100.000, mas pode chegar a 1 em 1.000.000, dependendo da herança genética e que de uma forma ou de outra, a média de espera é de 6 meses.

Entrei para o REREME (o banco de receptores de medula óssea) em outubro do ano passado com a clara certeza de que até o mês de março desse ano, eu já teria feito o transplante, pois se a média de espera é de 6 meses, porque eu não estaria dentro da média? Vi a entrevista de Drica Moraes para o Fantástico onde ela diz que conseguiu encontrar “alguém” com dois meses e eu fiquei mais feliz ainda pois já passei a achar que eu também encontraria antes do prazo padrão.


No início do ano, uma notícia desanimadora: recebi um e-mail dizendo que até aquela data não havia sido encontrado nenhum doador compatível para mim e que os médicos tinham pedido exames de outros doadores.

Já em fevereiro o pessoal do Hemocentro pediu uma nova amostra do meu sangue para o laboratório analisar, pois meu HLA é de um tipo raro e eles querem estudá-lo. A raridade, é claro, vai fazer o tempo de espera ser maior do que eu esperava. Não vou negar que fiquei triste na hora que recebi essa notícia, mas já superei.

Parodiando o filme que não se diz filme (Isto não é um filme), ou o besteirol que se nega (Não é mais um besteirol americano), esta não é uma postagem triste, apesar de trazer notícias desanimadoras, é só para esclarecer aos amigos e leitores o que se passa por aqui, na sala da justiça, revelar que estou bem e que apesar de tudo continuo com a mesma animação de sempre e tendo a certeza de que tudo vai dar certo.



8 comentários:

  1. Oi, Gilberto, como vai? Compreendo o quanto a notícia inicialmente o deve ter chateado, mas é guerreiro e faz muito bem em manter uma postura positiva em relação ao transplante. Continuo sempre torcendo daqui. :) Adorei o resumo que fez da festa do Oscar, logo abaixo, post suscinto e informativo.
    Agradeço demais a indicação do selo, porém já respondi em dezembro (link: http://revoltaeromance.blogspot.com.br/2012/12/mimos-e-agradecimentos.html), e vou colocar seu link na Galeria de selos, ok?
    Um abraço, e força, sempre.

    ResponderExcluir
  2. Força!!! Vibrações boas partem daqui. :D

    ResponderExcluir
  3. Olá Gilberto, eu nem sabia o que a tal Doença de Krabbe e fui perguntar pro mister Google... cara, que sufoco... mas não desanime!
    Infelizmente, não posso doar medula pois também tenho (ou tive) uma doença neurológica (não identificada)... em suma, se eu pudesse doar medula, ninguém gostaria de receber ;-) (
    Minhas boas vibrações são íntegras e saudáveis. Receba-as!

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
  4. Gilberto meu amigo, te desejo força e garra para travar esta batalha meu amigo e torço para que a oportunidade do transplante surja o quanto antes!

    ResponderExcluir
  5. Oi, Gilberto!
    Bom, acho que o meu HLA (é assim que se chama, né?) também deve ser de um tipo raro. Porque essa semana tá fazendo 4 meses que eu deixei a minha amostra de sangue no Hemo-Rio e ninguém entrou em contato comigo até agora! Não recebi nenhum e-mail, nenhum telefonema nem nada. Mas tenho certeza de que, apesar das coisas demorarem mais do que você imaginava, tudo vai se resolver.
    Força, amigo! Grande abraço!

    ResponderExcluir
  6. Força Gilberto tudo de bom para vc, se irá superar, seja que Deus quiser, abraços

    ResponderExcluir
  7. Meu querido amigo Gilberto. Não vou falar muito, só vou reforçar a admiração que tenho pela sua força, pela sua fé, pela sua alegria de viver, você é tão grande e forte, que só consigo ter a certeza, aqui no meu íntimo, de que tudo irá dar certo.

    um abração pra você.

    ResponderExcluir
  8. Olá, parabéns pelo blog!
    Se você puder visite este blog:
    http://morgannascimento.blogspot.com.br/
    Obrigado pela atenção

    ResponderExcluir