sexta-feira, 16 de abril de 2010

OS PORNÔS NACIONAIS DOS ANOS 80


Com o abrandamento da censura federal, as cenas de sexo da pornochanchada foram se tornando cada vez mais ousadas a partir de 1980, ano em que foi liberada no filme “Boneca cobiçada” (Rafaelle Rossi), a primeira cena de sexo explícito do cinema brasileiro, protagonizada por Oásis Minniti que depois se tornaria um dos atores mais atuantes do gênero. Foi também Rafaelle Rossi quem dirigiu o primeiro pornô nacional, “Coisas eróticas” que estourou nas bilheterias fazendo 4.729.484 espectadores, todos empolgados com a novidade de poder ver o que foi proibido por tanto tempo. Os produtores e diretores pensavam ter descoberto uma mina de ouro, mas mal imaginavam que estavam “matando” a pornochanchada.

Os brasileiros vendo que esse filão poderia ser lucrativo, começaram a produzir em grande escala, motivados pelo sucesso de “Coisas eróticas”. Já os produtores com medo de ter prejuizo com os filmes “convencionais”, começam a enxertar cenas de sexo explícito no meio das pornochanchadas, cenas essas que não tinham nada a ver com a história, já que a maioria das musas da pornochanchada se recusou a participar desses filmes, apesar das propostas tentadoras. Matilde Mastrangi, Aldine Muller e Helena Ramos foram convidadas, mas não aceitaram, ao contrário de Zaira Bueno. Helena e Matilde abandonaram o cinema em 1984, esta segunda só retornaria para participações especiais nos filmes de Guilherme de Almeida Prado.

Como ainda havia censura, esses filmes eram exibidos no país, amparados por mandatos judiciais de segurança. Os orçamentos dos filmes já previam esses gastos com advogados e as custas legais do processo.

Alguns atores conseguiram certo estrelato no gênero, como Walter Gabarron (O beijo da mulher piranha), sua esposa Eliana Gabarron (Cleópatra – Sua arma era o sexo), Wagner Maciel (O sexo dos anormais), Sílvio Jr. (24 horas de sexo ardente), Ronaldo Amaral e Sandra Morelli (a dupla dos filmes sobre cavalos, como Meu marido, meu cavalo e Tudo por um cavalo), Oásis Minniti (A mulher que se disputa) e Sandra Midori (Hospital da corrupção e dos prazeres) entre dezenas de outros.


O ano de 1984 foi um dos mais produtivos para o gênero. Dos 125 filmes nacionais produzidos, 69 eram de sexo explícito.

Vários diretores de pornochanchadas dirigiram filmes pornôs sob pseudônimo: Antonio Meliande (Tony Mell), Fauzi Mansur (Victor Triunfo), Ody Fraga (Johanes Dryer), David Cardoso (Roberto Fedegoso), José Mojica Marins (J. Avelar). Alfredo Sternheim foi um dos poucos a assinar com o próprio nome e sofreu muito preconceito por isso.
Os títulos eram bem mais apelativos que os da pornochanchada: A pistola que elas gostam, Sexo em grupo, Curras alucinantes, Taradas no cio e abusavam de reticências: A b... profunda, O viciado em c..., Elas querem é f...

Alguns filmes tinham até bom gosto, como “Oh! Rebuceteio, o único filme pornô de Cláudio Cunha (Snuff – Vítimas do prazer) e Gozo alucinante que tem direção de fotografia de Carlos Reichenbach (A ilha dos prazeres proibidos).

A produção pornô continuou a todo vapor até o fim de 1989 e início de 1990, quando os filmes ainda eram produzidos em 35 mm. A partir daí com a diminuição das verbas, começou a se produzir em vídeo para o lançamento direto nas locadoras, com produções cada vez mais canhestras. Estava encerrado o cinema pornô nacional pelo menos como se conheceu na década de 80, onde ainda se contavam histórias, mesmo que superficiais.


Doe medula óssea...


32 comentários:

  1. Tenho todos filmes pornochanchada á venda em torno de 100 titulos ,por 5,25 reais cada filme,interessados em 50 por cento ou mais da coleção preço com super desconto e ainda frete gratuito.Aceito pagamento parcelado no cartão em até 18 vezes via mercado pago!Duvidas??
    futebolcolecionador@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. gostaria de comprar os filmes sexo doido que tem a matilde mastrangi e fome de sexo com a aryadne de lima

      Excluir
    2. esqueci, jairjairvascao@gmail.com

      Excluir
    3. quero comprar todos os filmes com a eliane gabarron ,incluindo coisas eroticas 2 ,sexo doido com a matilde mastrangi,e tambem fome de sexo com a aryadne de lima.o melhor local para baixar muitos desses filmes é no dreamule, tenho varios,mais esses que estou querendo nao consegui,é só escrever brazilian classic vai aparecer uns 50 e é só baixar, aguardo resposta, um abraço.jairjairvascao@gmail.com

      Excluir
    4. quero comprar todos os filmes com a eliane gabarron ,incluindo coisas eroticas 2 ,sexo doido com a matilde mastrangi,e tambem fome de sexo com a aryadne de lima.o melhor local para baixar muitos desses filmes é no dreamule, tenho varios,mais esses que estou querendo nao consegui,é só escrever brazilian classic vai aparecer uns 50 e é só baixar, aguardo resposta, um abraço.jairjairvascao@gmail.com

      Excluir
    5. quero comprar todos os filmes com a eliane gabarron ,incluindo coisas eroticas 2 ,sexo doido com a matilde mastrangi,e tambem fome de sexo com a aryadne de lima.o melhor local para baixar muitos desses filmes é no dreamule, tenho varios,mais esses que estou querendo nao consegui,é só escrever brazilian classic vai aparecer uns 50 e é só baixar, aguardo resposta, um abraço.jairjairvascao@gmail.com

      Excluir
    6. Giselle estreou em novembro de 1980, portanto deveria ser citado como o filme que marcou a virada do cinema nacional na década de 80

      Excluir
    7. amigo como posso obter a relação de seus filmes?

      Excluir
  2. Desculpe discordar, Gilberto, mas 'Oh! Rebuceteio'... filme de bom gosto?!?!
    Se tiver uma chance, passe la' no blog RS Filmes Brasileiros (rsfilmesbrasileiros.blogspot.com), e assista ao filme novamente. Quem sabe, voce tera' uma segunda opiniao sobre aquela producao...

    = )

    Alias, pelas estatisticas de visitas do blog, esse genero ainda atrai muita gente curiosa, dado que estao sempre no topo das pesquisas para filmes eroticos...

    Um abraco!

    ResponderExcluir
  3. assisti o flme rebuceteio, achei bem elaborado e divertido. ok

    ResponderExcluir
  4. Gostaria de comprar o filme oh rebuceteio e mais alguns desse gÊnero sem cortes.E filmes bem antigos que mostre tudo que não pudíamos ver,como faço para receber os filmes e com rapidez e discrição?
    Anônimo do rio de janeiro

    ResponderExcluir
  5. Belíssima (e completa) homenagem a este "lado B" da história do Cinema Nacional! Muito bom, mesmo: ainda me lembro, com nostalgia, desses últimos "cartazes" de filmes pornôs brasileiros com títulos curiosos, na porta de um cinema "especializado" no ramo, perto da minha escola... Meus amigos suspiravam passando tão perto do "proibido"... Abração!

    ResponderExcluir
  6. Como eu faço para entrar em
    contato para a compra destas
    pornochanchadas.

    ResponderExcluir
  7. a liberação dos filmes de sexo explicito. com baixo orçamento e sem nenhum enredo certamente veio preencher um mercado que ainda precisava descobrir o rumo que o novo momento politico permitia e hoje descobrimos o crescimento do atual cinema nacional, as inúmeras produções premiadas, atores, tecnicos e diretores premiados.os anos 80 serviram a sobrevivencia do nosso cinema.

    ResponderExcluir
  8. Verdade. A chegada sem censura dos anos 80 assassinou a pornochanchada. Não há duvida.
    Mas, na verdade, todos que viam este tipo de filme, a pornochanchada, as assistiam com o intuito de ver o que era tão proibido e que abria para o espectador apenas um pouco do que eles ansiavam por ver.

    E com a chegada dos anos 80 tudo se revelou e as pornochanchadas não me fizeram falta. O que eu queria ver, estava ali agora. E, assim creio, como todos sofredores brasileiros, que viviam sob um regime brutal e esmagador da censura.

    Não assisti à maior parte destes filmes de sexo explicito, mas vi Oh! Rebuceteio, de Claudio Cunha que, aliás, é o melhor produtor/diretor de filmes não propriamente de sexo explicito, mas que fazia, dentro do ramo erótico, filmes de alguma qualidade como, por exemplo, O Gosto do Pecado.
    jurandir_lima@bol.com.br

    ResponderExcluir
  9. Jurandir, nem me fale. Também adoro os filmes pornôs dos anos 80. Vi dezenas deles, alguns não eram bons, mas não me arrependo. Serviram de evolução para o cinema nacional.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. gilberto como faço para obter alguns desses filmes,principalmente com a eliane gabarron ? jairjairvascao@gmail.com

      Excluir
  10. Reality do agree with this post. More and more men are getting hooked to video gaming and porn as the year progresses. porno

    ResponderExcluir
  11. Faltaram os filmes de Carlo Mossy, Como é boa a nossa empregada, a superfêmea, com Vera Fisher, além do clássico recordista de bilheteria, que estreou justo de 1980, Giselle, que, ao contrário do que a Censura classificou, não era pornográfico, já que não mostra sequer uma relação sexual explícita, nem mesmo um pènis. O que aconteceu é que Brasília ficou implicando com o homossexualismo, com a relação entre os personagens Angelo (Carlo Mossy) e Serginho (Ricardo Faria) e acordaram que ou o beijo entre homens era cortado ou o filme seria liberado com a tarje de pornográfico. O tiro acabou saindo pela culatra, atiçando ainda mais os brasileiros que ansiavam por transgredir após anos de regime militar. Classifiquei-me como anônimo, mais sou o ator Ricardo Faria, de A Morte Transparente, Giselle e Crazy Um Dia Muito Louco. Obrigado e parabéns, novamente, pela coragem

    ResponderExcluir
  12. Gostaria de saber se Maristela Carula ou Moreno participou de pronochanchadas ou d filmes de sexo explícito e em que site ou como posso adquirir os filmes desta atriz/

    ResponderExcluir
  13. Gostaria de saber se Maristela Carula ou Moreno participou de pronochanchadas ou d filmes de sexo explícito e em que site ou como posso adquirir os filmes desta atriz/

    ResponderExcluir
  14. Gostaria de aber se os filmes feitos por Maristela Carula ou Moreno eram pornochanchadas ou filmes de sexo explícito? Existe algum site que exiba estes filmes ou terei que compra-los?
    Vai aqui uma ideia para quem tem todos estes filmes digitalizar criar um site de download, mesmo que se pague direitos autorais ainda acho que será muito lucrativo.

    ResponderExcluir
  15. José Ricardo,

    Maristela Moreno não participou de filmes de sexo explícito, só de filmes eróticos. Tem um site ótimo para downloads da maioria desses filmes: http://eugostodefilmesbrasileiros.blogspot.com.br/ Entra lá e pesquisa. Tem muitos filmes da Maristela para download. Tomara que tenha ajudado. Abraços e apareça sempre.

    ResponderExcluir
  16. gostaria de saber onde posso encontrar o filme, O círculo do prazer, ou se existe para download?

    ResponderExcluir
  17. Não encontrei esse filme pra baixar na internet. Talvez algum colecionador o tenha para venda ou troca ou venda.

    ResponderExcluir
  18. Passa Muitos Desses Filmes Porno no Canal Brasil 66 [ Na Sky ] Assina a SKY E Toda Madrugada Passa o Preliminares Mostrando Algumas Cenas do Filme que Passara 2 Criticos de Cinema Porno Mostram Cenas de FIlmes Porno de 1975 até 1989 Deveria Assistir Tem Vários Filmes Verdadeiros CLASSICOS Do Porno Brasileiro :) Tipo Ontem Passou Os Filmes Eu [ 18+ ] é Outro acho que era Beijo na Boca [ 18+ ]

    ResponderExcluir
  19. entre 1985 e 1987, assisti um filme porno no cinema em que assaltaram uma e os ladroes pegavam todas as mulheres, e dono da casa já transava com a empregada, quando um dos ladroes mostrou para a esposa, ai ela pra se vingar transou com todos na frente dele. Nesse filme te um trailler que um grupo de jovens acampavam na praia e rolou muita transa e uma delas era virgem loira, acho que a sandra moreli participou desse filme, não consigo achar tá dificil, se alguem poder me ajudar.

    ResponderExcluir
  20. Onde encontro os filmes com David cardoso pra comprar?

    ResponderExcluir
  21. Boa noite. Vc tem o filme nacional Entra e Sai com Andrea Pucci acho que é de 1986. Obrigado.

    ResponderExcluir
  22. Infelizmente não tenho o filme Entra e Sai...

    ResponderExcluir
  23. Cara, filme porno brasileiro é MUITO RUIM, eu acho até que os pornos que erma feitos anos 80 eram melhores porque tinham uma pegada de comedia, era divertido e tinha as estrelas, eu me lembro da Debora Muniz em vários filmes, tinha um casal, Walter e Eliana Gabarrom. Os filmes atuais são uma bosta !!!! Se a gente for pegar o que se vê nos filmes como uma amostragem de como o brasileiro transa, sinto muito mas nesse caso o brasileiro mete muito mal. As caras de ALTOS FODEDORES do pessoal é de fazer rir. Cara. é MUUUUUUUUUUUUUUITO RUIM !!!

    ResponderExcluir
  24. Onde estao hoje o casal Sandra Morelli e Ronaldo Amaral? Lembro de seus filmes com cavalos.

    ResponderExcluir