terça-feira, 1 de maio de 2012

A IMPORTÂNCIA DO TRABALHO

Cena de A classe operária vai ao paraíso

O trabalho é de vital importância para o ser humano, pois é através dele que o homem consegue sustentar a si e à sua família e se realizar fazendo o que gosta, o que aprendeu a fazer ou mesmo aquilo que não gosta, mas precisa fazer para garantir seu emprego. 

A palavra trabalho vem do latim “tripalium”, um instrumento de tortura feito de três paus, para punição daqueles que perderam sua liberdade e eram obrigados ao trabalho forçado. Na Bíblia o trabalho já era colocado como um castigo ao pecado cometido por Adão e Eva que depois de serem expulsos do Paraíso, tiveram que trabalhar para conseguir o alimento que garantisse sua subsistência.  

Essa impressão de que o trabalho era como um “fardo pesado” para o trabalhador, permaneceu por vários séculos que foram marcados pelo trabalho escravo de alguns e mal remunerado de outros. Na virada do século XIX para o século XX, não era diferente, quando Frederick Taylor (1856 – 1915), desenvolveu o conceito da Administração Científica: a padronização das tarefas, que eram repetitivas e monótonas, enquanto o trabalhador era considerado preguiçoso. Seu salário estava vinculado à sua produtividade e o ambiente de trabalho era marcado pela razão. A situação só começou a mudar a partir de 1929 com a Escola das Relações Humanas. 

O ato de trabalhar é uma atividade humana, pois envolve um processo mental em que o homem planeja antes, aquilo que quer realizar a fim de evitar imprevistos, apesar de às vezes eles serem inevitáveis. 

Há entre os vários conceitos de trabalho, explicações contraditórias. Enquanto alguns colocam o trabalho como fonte de prazer, onde o homem consegue se realizar e encontrar sua identidade, outros falam da loucura que é o trabalho e como é complicado realizá-lo sem se alienar. Essa atitude depende do trabalhador, de como ele realiza seu trabalho e do quão satisfeito ele se sente em realizá-lo. 

Hoje é o Dia do Trabalho e para comemorar, quase ninguém trabalha. 

Filmes onde o ato de trabalhar desempenha função importante no decorrer da ação:


Tempos Modernos


Trabalhar cansa

Garotas do ABC

Terra Fria

Silkwood - O retrato de uma coragem

Selva Trágica

O caminho das nuvens


Eles não usam black-tie

Ladrões de bicicletas


13 comentários:

  1. Postagem muito boa. Sem dúvidas, trabalhar enobrece o homem...hehe
    Abração.

    ResponderExcluir
  2. As vezes me pergunto se o homem nasceu realmente para trabalhar...

    O Falcão Maltês

    ResponderExcluir
  3. Bom, o trabalho é indispensável em 1º lugar pela questão do sustento; em 2º lugar pela questão da realização pessoal.
    Mas nesse último caso, a realização tem que ser pro próprio indivíduo. Trabalhar pra agradar o outro é um erro muito grande. Até porque, se o outro tiver uma visão muito idealizada de você, esperando que você faça as coisas que ele romantizou que você tinha que fazer, ele nunca vai ficar satisfeito com o que você faz. Por melhor que seja o resultado final do seu trabalho e de todos os seus esforços, pro outro isso nunca vai chegar, nunca vai bastar, nunca vai ser o suficietne, nunca vai estar bom... Ele sempre vai cobrar mais. Infelizmente eu já vi muito isso.
    Então, ainda que a pessoa trabalhe só por prazer, ela tem que fazer isso pra dar prazer a ELA, e não ao outro.

    ResponderExcluir
  4. O trabalho não é importante para realização pessoal, nem para sustentar família.
    Basta olhar os animais na natureza que isto de trabalhar cai por terra.
    As pessoas trabalham pela ambição formada ainda na educação.
    Um forte abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como não?Lógico que é!Estamos falando em trabalho não em animais!Nada a ver oq vc escreveu ¨¬¬

      Excluir
  5. Oi, Gilberto, eu nunca havia parado para pensar no trabalho por esse lado, de algo que se planeja antes de fazer. O trabalho, então, começa na mente, não no ato em si. Faz sentido! Um abraço!

    ResponderExcluir
  6. Boa homenagem a uma data que mais tem de luta do que de parabéns: dos filmes retratados, o mais virulento é mesmo "Ladrões de Bicicleta" - apesar de eu ter sentido falta de dois filmes-símbolos da opressão do trabalho sobre o homem: "Tempos Modernos" e "A classe operária vai ao paraíso". Abraço e apareça para despedir-se dos Morcegos (por tempo indeterminado)!

    ResponderExcluir
  7. Celo, realmente trabalhar enobrece o homem.

    Antonio, também não sei se o homem nasceu para trabalhar, mas tenho certeza que isso o impede de enlouquecer...

    Léo, concordo que a pessoa deve trabalhar no que gosto, já que vai fazer isso por tantos anos até que se aposente.

    Curiosidades, os animais não precisam trabalhar e não lhes falta nada para o seu sustento, mas eles tem que lutar por isso: a luta da sobrevivência, ou a lei da selva. Mas infelizmente o homem quer mais que isso.

    Bia, mesmo planejando tanto sobre o que fazer no trabalho, muito coisas ainda saem do planejado.

    Dilberto, A classe operária vai ao paraíso foi o primeiro filme citado, logo abaixo do título da postagem. Quanto à Tempos modernos, realmente me esqueci, mas vou acrescentar agora. Quanto à despedida, não vá (please don't go), sei que o mundo da blogosfera as vezes é injusto, mas vamos continuar tentando. Também fico decepcionado de vez em quando mas isso passa...

    ResponderExcluir
  8. Muito interessante seu artigo, como disse o Dilberto, ótima homenagem a data. Acho Tempos Modernos um dos filmes mais importante da história, não é a toa que o mesmo é usado em escolas, faculdades, universidades etc, Ladrões de Bicicleta é um ótimo e comovente drama, mas poderia ter um final melhor, enfim...

    Grande abraço

    ResponderExcluir
  9. Não conheço "Ladrões de Bicicleta" me parece ser um bom filme.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Ola Janice, obrigado pelas visitas e pelos comentários. Meu e-mail é: gilbertocarlossilva@ig.com.br

    ResponderExcluir
  11. Eu vou pela biblia,e ela afirma:Trabalhe pois com o suor do teu rosto comerás o teu pão!!

    ResponderExcluir